Anitta – Medicina

Letra
MEDICINA

A mi no me importa que tu tengas plata,
Aqui lo que importa es que tu te sepas mover.
No te asustes si la ropa se levanta Cuando el bajo se te meta por los pies.
No te entiendo pero bailamelo lento
Que los cuerpos si se saben entender.
Todo el mundo con un mismo movimiento,
dale, una y otra vez.

Da da damelo otra vez

Nos vamos pa una esquina
Las nalgas rebotando como gelatina
La música curando como medicina
tu sigue bajando que despues yo voy pa encima
encima cima, cima, cima.
Si te pegas por atras
yo no voy a decir nah,
todo el mundo es igual
traca traca tra tra tra.

Dale pa’ bajo no mas
No importa lo que digan los demas
A todos nos gusta cuando nos seducen
To’ el mundo se suelta mas cuando no hay luces.

Apagamela aja aja
apagamela aja aja
apagamela aja aja

Traca traca tra tra tra

Da da damelo otra vez

Dejemos la pena pa despues.

Da da damelo otravez

No vamos pa una esquina
Las nalgas rebotando como gelatina
La música curando como medicina
Tu sigue bajando que despues yo voy pa encima encima

Apagamela aja aja
Apgamela aja aja
Apagamela aja aja

Da da damelo otra vez
Dejemos la pena pa despues

Acessos: 235

 

Matheus & Kauan, Anitta – Ao Vivo E A Cores ft. Anitta

Ao Vivo e a Cores
(Kauan/ Lucas Santos/ Rafael Torres)

Por que você não sai daí e vem aqui
Pode invadir, pode chegar, pode ficar
No meu quarto, no meu abraço, apertado
Duvido que cê vai querer ir embora, não apavora
Depois do amor a gente vai fazendo hora
E eu não aguento mais, eu não aguento mais

A tela fria desse celular, só ver sua foto não vai me esquentar
Amar você de longe é tão ruim
Te quero ao vivo e a cores aqui, aqui

Por que você não sai daí e vem aqui
Pode invadir, pode chegar, pode ficar
No meu quarto, no meu abraço, apertado
Duvido que cê vai querer ir embora, não apavora
Depois do amor a gente vai fazendo hora
E eu não aguento mais, eu não aguento mais

A tela fria desse celular, só ver sua foto não vai me esquentar
Amar você de longe é tão ruim
Te quero ao vivo e a cores aqui, aqui

Aqui…
Iêêê, uôôôôôôôôôôôôôô

Então sai daí, sai daí, vem aqui, vem invadir, invadir, o meu quarto
Meu abraço apertado, vem, vem, duvido que cê vai querer sair
Por que você não sai daí, sai daí, sai daí, vem aqui, vem invadir, invadir o meu quarto
Meu abraço, meu abraço apertado
Eu não aguento mais

Olhar pra tela fria desse celular, só ver sua foto não vai me esquentar
Amar você de longe é tão ruim
Te quero ao vivo e a cores aqui, aqui

Aqui…
Iêêê, uôôôôôôôôôôôôôô

Acessos: 40